Mamãe dodoí...

Olá mamães!!!

O nosso final de semana foi bom... Tirando essa minha tosse que está feia, mesmo! 
Na sexta feira fomos a Babi e eu para a casa da minha mãe, onde todas as sextas vamos. Ficamos conversando bastante e contando as fofocas da semana. E claro, minha mamãezinha retocou o meu cabelo roxo. E dessa vez sim, ficou o máximo!

No sábado de manhãzinha fomos levar a Babi no hopital e eu ia aproveitar e passar com o clínico geral. 
Como fizemos minha ficha antes da Babi, claro, fui chamada antes do que ela. E não deu para eu acompanhar o maridóón até a pediatria. Bom, eu passei com a médica que me receitou um outro xarope, e claro uma injeção na bunda, uma da família da chata e temida (por alguns, mas não por mim). Que tendo um nomezinho diferente ela doí igualzinho a Bezetacil.
Tá, quando sai da sala de medicação, o maridóón estava me esperando. Sai mandando, claro, por a dor é feia... hehe!
E saindo do hospital, fui dando umas paradinhas básicas até o carro, já que a dor vinha mais forte. Até chegar no carro, o maridóón contou como foi com a pediatra plantonista. Na verdade nem falei porque a Babi foi passar com a pediatria do hospital. Bom, meu pai havia percebido que quando a Babi está andando, com a gente segurando suas mãos, o seu pézinho esquerdo, sempre fica apontando pra fora. Então decidimos leva-la. E a médica disse que a posição que o bebê fica na barriga, o pézinho as vezes pode ficar um pouco tortinho. Mais que não era caso de preocupar. E deu uma dica, já que a Babi é uma mulherzinha. Pra evitar de deixa-la muito tempo sem calçado nos pés, porque senão os pézinho poderão ficar largos e compridos. ok, ok... 
E ela deu um encaminhamento para o ortopedista, e caso o médico aconselhe uma botinha ortôpedica, só a pediatra da Babi, a Dr. Dani irá "decidir" se será necessário mesmo ou não. Já que até os 3 aninhos muitos desses casos dos pézinho tortos, voltam ao normal.  Hoje o maridóón irá marcar a consulta hoje e no sábado ela terá a consulta com a querida Dr. Dani...

No domingo, ficamos em casa mesmo, só coloquei o nariz de dentro de casa, para recolher as roupas no varal. Claro com essa tosse não daria muito certo. 

Bom... agora vamos falar de coisa boa? 
Sabem um daqueles sorteios que eu havia ganho?
Pois é, para minha surpresa chegou no sábado nosso tão esperado prêmio. Esse prêmio foi do blog da Thayna Ranage do blog Alycia no dia- a- dia...
E esse foi o nosso prêmio... e junto de brinde, a Babi ganhou um babador lindissímo!!!







É isso meninas... até o próximo post e boa semana!!!

beijinhos

8 meses de pura delícia!!!

Olá mamães!!!

Ontem a Ana Bárbara completou 8 meses... Uhuuuu \o/
E a mamãe aqui está super babona!!! Sem dúvida... E eu a cada dia que passa tenho a confirmação de que nasci para ser mãe. Amo minha pequena mais do que tudo na vida, ela é minha benção de Deus. Um presente divino, lindo e tão querido... Obrigada Senhor por me conceder essa graça de ser mamãe dessa princesinha linda e iluminada.
O tempo está voando, e vejo a cada dia que a pequena muda, e aprende uma coisa nova. Minha bebêzinha está uma mocinha quase, hehe! Papai fez o bolo... (maridóón prendado).

O bebê de 8 meses.

Senta, engatinha e fica de pé

Agora que tem 8 meses, é possível que o seu bebê esteja sentado sem apoio e talvez até engatinhando ou se movimentando pela casa se arrastando sentado. Ele deve estar começando a passar da posição sentada à ereta com o auxílio dos móveis. Se você posicionar seu filho perto de um sofá, ele provavelmente vai se agarrar às bordas com todas as suas forças para levantar.

Essa mobilidade toda se traduz em muitos tropeções e quedas. Essa é uma parte inevitável da infância e, embora você por vezes fique com o coração na boca, tente aproveitar esta etapa em que a criança explora e descobre seus limites. Reprimindo seus desejos mais profundos proteger seu filho a todo custo, você vai permitir que ele cresça e aprenda por conta própria. Agora, é fundamental que sua casa seja um ambiente seguro para crianças. Entre outras coisas, você deve se certificar de que objetos frágeis estejam posicionados em segurança (para que não caiam) e que móveis menos firmes fiquem em locais em que o bebê transita pouco. Retire qualquer objeto pequeno que o bebê possa enfiar no nariz, no ouvido ou na boca.


Uso das mãos

O bebê começa a procurar objetos no chão e usar o dedo para apontá-los. Ele também já consegue usar os dedos para pegar um pedaço de comida e segurá-la com a mãozinha fechada. Além disso, a criança aprendeu a abrir a mão para deixar objetos caírem no chão. Seu filho está aprimorando a capacidade de pegar pequenos objetos entre o polegar e o indicador ou o dedo médio.

Mais emotivo

A partir de agora, as emoções do bebê ficam mais evidentes. Ele já faz gracinhas, como mandar beijos para pessoas conhecidas, e tende a repeti-las se for aplaudido. Nos próximos meses, seu filho vai aprender a avaliar e imitar seu estado de humor. Ao ver alguém chorando, é possível que chore também.

Longe dos pais

Nesta idade, a maioria dos bebês já dá sinais de ansiedade de separação. Seu filho pode ficar mais tímido ou preocupado perto de desconhecidos, especialmente quando estiver cansado ou irritado. Nos momentos em que você não está por perto, ele demonstra chateação. Mesmo que seja desagradável, essa separação é importante. Ao se afastar, você ajuda no desenvolvimento da confiança do seu bebê e na formação de elos emocionais dele com outras pessoas.

Quando sair, beije e abrace seu filho e diga a ele que vai voltar. Caso ele fique assustado ou comece a chorar, não tenha dúvidas em reconfortá-lo e assegurar que você volta mesmo. É duro não começar a chorar quando ele chora, mas, se você não resistir, vai apenas prolongar o sofrimento dele. Nessas horas, é bom ter por perto uma outra pessoa com quem ele esteja familiarizado. Se o bebê fica ansioso no momento de se separar de você à noite, procure reservar um tempinho a mais para estar com ele, segurá-lo no colo, ler ou cantar uma música antes de colocá-lo de vez para dormir.


Alguns bebês lidam melhor com separações do que outros, dependendo do temperamento. Cada criança é de um jeito, e cada uma precisa de determinada quantidade de atenção. Você conhece seu filho melhor do que ninguém, portanto siga seus instintos e não se sinta culpada por dar mais atenção se achar necessário.


Os vários usos de um objeto

Grande parte dos bebês passa agora a explorar as variáveis de um objeto, chacoalhando, batendo, deixando cair no chão e atirando para longe, antes de voltar ao bom e velho método de colocar qualquer coisa na boca. O conceito de que dá para fazer alguma coisa com um objeto está vindo à tona, então é uma boa hora para ter em casa brinquedos com muitas partes para bater, apertar, virar e abrir.

Neste estágio, as crianças gostam de ver coisas caindo, sendo apanhadas (por você, claro) e depois sendo jogadas no chão novamente. Seu filho não está só tentando te provocar, por mais que pareça; ele simplesmente acha esse espetáculo sensacional e vai querer vê-lo muitas e muitas vezes.


O bebê também entende a relação entre os objetos. Ele percebe, por exemplo, que coisas menores cabem em maiores. Seu filho vai achar com facilidade alguma coisa que você escondeu e conseguirá apontar para a imagem certa quando o nome de um objeto for dito. Nos próximos meses, o bebê vai começar a usar as coisas para a finalidade correta: a escova para o cabelo, o copinho para beber e o telefone de brinquedo para encostar no ouvido e "falar" seus sons favoritos.


Visão mais clara

A visão do bebê agora é praticamente igual à de um adulto em clareza e percepção de profundidade. Embora enxergue melhor de perto do que de longe, ele vê o suficiente para reconhecer pessoas e objetos do outro lado da sala.

Será que o desenvolvimento do meu filho é normal?

Lembre-se, cada bebê é de um jeito e atinge certos marcos de desenvolvimento físico no seu próprio ritmo. O que apresentamos são apenas referências de etapas que seu filho tem potencial para alcançar -- se não agora, em pouco tempo.

Caso seu filho tenha nascido prematuro, é provável que você observe que ele leva um pouco mais de tempo para fazer as mesmas coisas que outras crianças de idade similar. Não se preocupe, a maioria dos médicos avalia o desenvolvimento de um prematuro conforme a idade corrigida e acompanha seu progresso levando isso em conta.

Fonte: babycenter


Agora o que a Babi anda fazendo...


Levanta sozinha e fica sentada,
Ainda não engatinha, preguiçosa, fica na posição e logo se esparrama no chão, e tomba pro lado. =/
Só quer ficar no chão, de pé, com a gente segurando suas mãos.
Fica mais tempo com a chupeta,
Sem sinal dos dentinhos, mais eles estão encomodando =/,
Taca as coisas no chão só pra gente pegar, pegar e pegar... 
Coloca e tira a chupeta várias vezes e até na minha boca também.
Devolve alguma coisa quando a gente pede...
Já associa algumas palavras, como : Cadê, olha filha, ô lá... 
Dá tchau. 
Ri com mais facilidade.
Grita para bebês/crianças na rua.
Não estranha mais "tanto" as pessoas.
E o mais lindo que ela começou a fazer ontem. Pra falar a verdade minha mãe diz que ela sempre faz isso na casa dela, olha pra porta e fala... mas talvez ontem ela tenha começado a fazer BEM mais, e assim eu pude ver... e morrer de alegria.
A bonequinha começou a falar MAMÃ, MAMÃ, chora e olha pra mim, estica os bracinhos e diz, MAMÃ, MAMÃÃÃÃ!!! Tal ok, talvez seja viagem minha, que ela esteja se referindo a mim. Mas mesmo não sendo, deixa eu pensar que é pra mim... hehe!!!


 Eu não fui para a academia ontem, porque estou muito ruim de gripe. Na verdade é mais uma tosse que está me tirando do sério! E estou me cuidando, estou tomando remédio, espirrando remédio na garganta, tomando cházinhos, uma par de coisa! Espero que melhore logo... assim, "pude" ficar mais com a pequena mêsversariante... 
Não tirei fotos ontem... sorry!!! Estava muito "podre"...
Mas o que vale é a intenção!!! 


Hoje vamos leva-la no hospital para verificar um dos pézinhos dela. Espero que não seja nada. Calma meninas, não aconteceu nenhum acidente.


É isso meninas... até o próximo post. 




Parabéns minha princesa... 8 meses de pura gostosura!!!

Dentinhos safados + bebê vegetariano



Olá meninas...


Lá em casa a coisa deu uma acalmadinha de leve. Estou falando dos dentinhos da pequena Babi. 
Ela estava muito ruizinha, tadinha^^, enjoadinha, sem querer comer, manhosa, meio febrio, com intestino mais solto... =/
Passou uns três dias desse jeito, com certeza deve ter perdido peso. As pernas grossas não estão mais tão grossas assim!!!
Os dentinhos ainda não apontaram, e minha mãe "acha" que irá nascer primeiro em cima... kkkkk!!! Sei que não é regra nascerem primeiro os dentinhos de baixo, mais cá entre nós é muito esquisito nascerem primeiro os branquinhos de cima, né? kkkkkkkkk...
Mais vamos ver onde nascerão primeiro... e espero que seja em breve, porque não aguento ver minha princesinha desse jeito. Minha mãe disse que ela ficou o dia todo no colo, porque ela tá manhosinha, judiação!!!

 Chora não filha!!!

 Uma foto mais alegrinha^^




 

Eu fui vegetariana por 5 anos. E de idiota que sou, do nada voltei a comer carne. =/ E fui daquelas da causa contra maus tratos aos animais, e fui a várias passeadas e protestos.
E estava pensando a algum tempo já, em parar novamente de comer carne animal. A caminho do trabalho tem um matadouro de porcos. Isso faz com que a cidade em que passamos (Carapicuíba), tenha um cheiro insuportável. Enfim, hoje de madrugadinha, chegando em "Caracas", fui interrompida do meu cochilinho no banco do passageiro, por um forte cheiro, mais na hora nem lembrei "do porco". Abri os olhos e não sabia de onde vinha aquele cheiro e vi quando meu pai disse que o caminhão onde estava levando os porcos estava bem a nossa frente. E quando eu pude ver os porcos, lá dentro, todos "já sabendo o que os espera". Fiquei vendo aqueles olhos, e comecei a chorar. Fiquei lembrando de todos os vídeos que já vi nessa minha vida, sobre as mortes em matadouros, tanto de aves, quanto de bovinos e suínos. É triste!!! Mais enfim... vamos ao que interessa  na realidade e o porque que estou falando sobre esse assunto tão "polêmico".
Eu antes mesmo da Babi nascer, eu pensava se iria oferecer carne animal pra ela. E sempre vinha na minha cabeça que não ofereceria. E que quando ela crescesse ela decidiria se iria ou não comer carne. Bom, acabei, acabamos, (minha mãe acabou dando), carne a ela, na sopa... =/ Eai, vem toda aquela história, de que a criança precisa dos nutrientes da carne, pra ela ficar forte, e blá blá blá!!! Por isso lhes trouxe esse artigo escrito pela  nutricionista Florbela Mendes.


 “O primeiro ano de vida de uma criança é crucial para a implementação de bases para uma boa saúde. Aos pais cabe a responsabilidade de assegurar essa missão.

Os pais, como responsáveis pela alimentação e demais cuidados do seu bebé, devem estar bem informados acerca das necessidades nutricionais nesta fase da vida dos seus filhos. É sua responsabilidade assegurar que os alimentos escolhidos fornecem todos os nutrientes necessários ao crescimento e ao desenvolvimento apropriados.

Durante os primeiros anos de vida os bebés crescem de forma espantosa, a uma velocidade que não mais se repetirá: no primeiro ano de vida, o bebé triplica o seu peso de nascença. As necessidades da maioria dos nutrientes são duas a três vezes maiores que as dos adultos (por quilograma de peso).

Considerando a pequena capacidade do estômago do bebé e a enorme velocidade com que crescem, percebemos porque é tão importante alimentá-lo exclusivamente com alimentos de elevado valor nutricional.

As orientações nutricionais que se seguem pretendem ajuda-lo a assegurar a saúde do seu bebé:

- O período de amamentação ao peito deve ser no mínimo de seis meses e, de preferência, durante dois anos completos.

Quanto mais se estuda a composição do leite materno mais certezas se têm quanto à sua importância para a saúde do bebé. Jamais algum laboratório conseguirá produzir semelhante alimento. Muito mais do que um perfeito equilíbrio de nutrientes, o leite materno fornece substâncias especiais que protegem o sistema imunitário e ajuda a criar laços afectivos entre a mãe e o filho.

- Se a amamentação com leite materno não for possível, é recomendado um leite industrializado

As fórmulas industriais de leite em pó para bebés são a alternativa mais aceitável para substituir o leite materno. Devem ser escolhidas as variedades enriquecidas com ferro (a grande maioria é enriquecida), pelo menos até à introdução de alimentos sólidos, ricos em ferro. Se a amamentação ao peito for interrompida ou realizada menos de três vezes ao dia, deve usar igualmente um suplemento deste leite.

O leite de vaca é pobre em ferro pelo que não deve ser utilizado no primeiro ano de vida.

O leite de soja enriquecido ou não, o leite de tofu ou o leite de arroz não devem ser utilizados no primeiro ano de vida do bebé. Estas bebidas não fornecem os nutrientes necessários para o crescimento e desenvolvimento perfeitos, nesta fase da vida do bebé, podendo causar desnutrição.

- A partir dos 4-6 meses pode começar a introduzir alimentos sólidos, diversificando mais a alimentação.

Até aos 4-6 meses, o leite materno ou industrial é capaz de assegurar um fornecimento adequado de nutrientes ao desenvolvimento do bebé, nomeadamente proteínas e cálcio. Não existem regras rígidas quanto à ordem de introdução dos alimentos sólidos após esta idade, embora a sequência mais usual seja cereais infantis (“papas”) seguidos de vegetais em sopa, frutas e finalmente alimentos ricos em proteínas (tofu, leguminosas, nozes, sementes, ovos)

- Os bebés lactentes não expostos ao sol em quantidade suficiente devem tomar suplementos de vitamina D

A DDR (Dose Diária Recomendada) determina que os bebés em lactação (desde o nascimento até aos 6 meses) não expostos ao sol, tomem suplementos de vitamina D de 5,0 a 7,5 µg por dia. Os bebés acima dos 6 meses devem receber um suplemento de 10 µg por dia. Pensa-se que o leite materno pode não fornecer a dose de vitamina D necessária ao bebé. Mesmo o leite das mulheres que se expõem regularmente ao sol e que consomem alimentos enriquecidos em vitamina D, pode apresentar níveis dessa vitamina suficientemente.

Os bebés alimentados com leites industriais não necessitam de suplementos de vitamina D uma vez que essas fórmulas são enriquecidas com aquele nutriente,

- Os bebés lactentes vegans devem receber um suplemento de vitamina B12 diariamente.

Se é ovo-lacto-vegetariana e está a amamentar, o seu bebé não precisa de suplemento de vitamina B12, a menos que a sua ingestão de leite, derivados e ovos seja limitada (menos de 3 copos de leite por dia ou 1 ovo).

Se é vegan, e está a amamentar, o seu bebé deve receber um suplemento de pelo menos 0,5 µg por dia, do nascimento até aos dois anos de idade.

Se o seu bebé é alimentado com leite industrializado, não precisa dar-lhe suplemento de vitamina B12 porque o produto já é enriquecido.

O bebé vegetariano ou vegan pode ser tão saudável e bem nutrido como outro bebé. Basta que os pais estejam bem informados acerca das suas reais necessidades.”



Ainda não conversei a respeito com a pediatra da Babi. Na próxima consulta tocarei no assunto.

As carnes vermelhas são famosas por serem alguns dos alimentos de mais difícil digestão. Para digeri-las, o estômago precisa de quase o dobro de ácido que usa para a mesma quantidade de pão, por exemplo. Dependendo do metabolismo, uma pessoa pode levar até três horas e meia para digerir um bife médio. 

EFEITOS DA CARNE NO ORGANISMO
A carne bovina encontrada nas grandes cidades passa meses a fio nos frigoríficos, e, por isso, tende a criar perigosas toxinas (mesmo que a integridade da proteína seja mantida).

O gado ao ser abatido (na maioria das vezes com porretadas na cabeça), libera na corrente sangüínea uma grande quantidade de adrenalina, em razão do medo e da situação de perigo em que se encontra.
Essa adrenalina, uma vez no corpo humano, transforma-se em endrenocromo e posteriormente em adrenolutina, que são substâncias capazes de causar numerosos distúrbios nervosos e afetam não somente à nível bioquímico como também energético, bloqueando, por exemplo, a fluidez da energia Cósmica através dos canais sutis chamados Meridianos.
Dentre os distúrbios nervosos podemos classificar alguns mais comuns: irritação, brutalidade, nervosismo sem causa aparente, depressão, angústia, insônia, medo, etc., os mesmos sintomas causados pelo stress da vida moderna.
O gado recebe doses muito grandes de vacinas e não se pode avaliar as perturbações que as reações imunitárias do gado contra as doenças, pode causar ao organismo humano.
A carne bovina, principalmente da vaca, contém hormônios próprios ao seu metabolismo e de sua característica física. Esses hormônios determinam uma série de distúrbios hormonais relacionados: masculinização, crescimento de pêlos, desequilíbrio menstrual, abortos prematuros e outros problemas bastante conhecidos, causados principalmente pela progesterona e pelo estrogênio, presentes na carne da vaca. No homem fica fácil imaginar o que podem desencadear hormônios dessa natureza quando se usa de carne em excesso.
O uso excessivo de carne causa um acúmulo nas vias digestivas, produzindo a proliferação de bactérias patogênicas que podem provocar focos infecciosos e intensa putrefação intestinal. Assim, o ambiente intestinal fica propício à apendicite, colite, constipação intestinal (prisão de ventre) e muitas outras doenças que levam, aquilo que deveria ser o "Templo da Divina Presença do Cristo Interno", a ser um amontoado de carne, ossos e músculos doentes, fracos, deficientes, não correspondendo de forma alguma ao seu propósito de servir como eficiente veículo da Mônada espiritual na sua caminhada de retorno à casa do Pai.
A própria Luz do espírito não poderá aumentar a sua freqüência vibratória porque o organismo enfraquecido pela falta da energia vital, não suportaria tanta energia.
A carne bovina é muito fibrosa e grande parte do seu peso é eliminado, dando antes muito trabalho ao organismo para metabolizá-lo e transportar seus restos para a excreção. Com isto, há maior desgaste orgânico e conseqüentemente uma diminuição do tempo de vida e do tônus do aparelho digestivo, além do que a produção muito acentuada de enzimas proteolíticas causa intenso desgaste orgânico. Talvez seja por esse motivo pelo qual um animal carnívoro viva menos tempo do que um herbívoro.
Nos entrepostos, é acrescentada à carne uma substância capaz de causar a esterilidade e a impotência no homem, além de ter também propriedades altamente cancerígenas; é o nitrino de sódio, usado para tornar a carne vermelha (para dar um bom aspecto, pois a carne é cinza e feia) e aceitável pelo consumidor.
É sabido que a carne é muito rica em gorduras, principalmente, as gorduras saturadas e de difícil metabolização. É óbvio então, que o uso excessivo provoca acúmulo de gorduras no organismo, causando obesidade, deformidade estética e comprometimento do sistema cardiovascular pela terrível ação do colesterol.
Todos os problemas aqui observados em relação à carne bovina, também o são em relação à carne de porco, que é muito mais gordurosa e cheia de toxinas. Ambas porém, quando ingeridas mal cozidas podem causar ao homem a teníase (solitária) pois é comum encontrar ovos de Tênia Sólium (no porco) e de Tênia Saginata (na vaca) nos tecidos doentes animais.
Além disso, o portador de uma Tênia, afora os distúrbios digestivos, da fraqueza e dos incômodos que esta pode causar, corre o risco de adquirir uma doença muito pior: a cesticercose, capaz de criar sérios problemas no Sistema Nervoso Central, no coração, nos músculos, e em muitos órgãos, podendo levar inclusive à loucura se um cesticerco (ou larva) atingir estruturas nobres no cérebro.
A carne de frango (galinha) também possui altas doses de hormônio feminino, (para engordar), e sendo tratadas em ambientes fechados, com luz artificial 24 horas por dia, sua carne possui resíduos tóxicos prejudiciais ao organismo humano.
Os peixes, crustáceos, por viverem em mares altamente carregados por resíduos nucleares (radioativos), hoje também não são indicados ao consumo humano. Outro inconveniente é o fato de ser um tipo de carne que entra em estado de putrefação rapidamente, enchendo o organismo de perigosas toxinas.
 
Texto extraido do livro EM BUSCA DA LUZ de autoria do prof. Ergom e Inti-Rá

Bom é isso meninas....

Beijinhos e até o próximo post... 
Desculpem pelo post gigante (não gosto quando fica muito longo), mais as vezes não tem jeito!!!

Nosso fim de semana!!!

Olá garotas...

Bom, nosso final de semana foi gostoso!!!
Na sexta eu fui direto do trabalho pra casa minha mãe, onde a Babi estava. E ficamos só nós 3 por lá, e assisti o DVD do casamento do meu irmão que casou em setembro. E fiquei chocada quando me vi no vídeo... Juro!!! Tive um tratamento de choque, e espero que eu crie vergonha nessa cara de bolacha trakinas, e comece a emagrecer de vez! Fiquei super triste de ve ver daquele "tamanho" no DVD. Mais minha mãe disse que o vídeo engordou todo mundo, e realmente, achei todo mundo meio estranho no DVD. Mais fiquei assustada demais, e me vi redonda feito uma baleia orca prênha... Misericóórdia!!!
Mais se eu já estava de dieta, agora então, vou fazer greve de fome, vou voltar nas dietas das "amigas anas".
Voltando... Mais tarde o maridóón foi buscar a gente. E a Babi dormiu feito um anjinho que é!!!



A Babi no sábado quis acordar as 06h40 posso? E troquei ela logo que tirei ela do berço. E logo em seguida dei uma mamadeirona crente que a guria voltaria a dormir... Que nada!!! Tive que ficar com ela, assistindo desenho. Até ela dormir novamente e demorou um pouco, viu? Agora bora fazer faxinada? Nossa, morri na faxina, viu?
Fazia um tempo que minha faxina não saia do jeito que desejava, então, no sábado, arregacei as mangas e dei aquele talento na casa. Agora sim a faxina valeu a pena de verdade... E o maridóón deu uma mãozona!!!
Fiquei esperando meu irmão Phillip ir lá de manhã pra ver a Babi, e nada.
Não fomos pra casa da minha mãe, porque fiquei cansada e queria ficar quieta em casa mesmo, pra curtir a casa limpa e cheirosa, e assistir um filminho!!!




No domingo a cedo de banho da pequena, para ir visitar o meu pai, que fazia tempo que ele não via a Babi!
Nossa, foi aquela farra, todo mundo querendo pega-la... E graças a Deus ela anda mais "sociável", domenticada.
Acabei ficando para o almoço a pedido do meu pai, e a comidinha da minha madrasta, boadrasta estava uma delícia. E ela me convidou para almoçar todos os domingos por lá... hehe!
Calma meninas, eu  não comi feito uma porca!
Meu irmão Phillip agora mora nos fundos da casa do meu pai, e levei a Babi lá pra ele e a sua namorada matarem a saudade da princesinha que AMA esse tio babão!
Ela ficou boazinha, conversou, gritou, bateu palma quando cantamos parabéns, e até deu um passinho engatinhando, já que ela não quer saber de engatinhar!
Ela fez uma coisa linda, o meu irmão tem um ursinho que era dele quando ele era pequeno, e ele guarda até hoje, e meu irmão deu pra ela brincar (já tem foto antiga a Babi com esse ursinho), e o  mais bonitinho é que ao pegar o ursinho ela abraçou o bichinho, e depois meu irmão falava, dá pro tio, e ela devolvia, aí ele dava pra ela de novo, e daqui a pouco pedia de volta e ela devolvia toda linda, e depois que ela devolvia ela fazia biquinho de querer chorar. Uma graça!
Foi uma delícia, e tive que sair feito cachorro magro de lá, mal engoli a comida tive que subir, já que todo domingo as tias da Babi por parte de papai, ficam doidas para ver a menininha da família. Então, voltei com ela pra casa. 
Mais tarde minha mãe ligou avisando que iria pegar a pequena pra levar pra casa da minha vó, onde estavam muitas das tias que eu tenho. Ok... pode levar. Assim pude terminar de fazer minhas unhas tranquila... Depois que ela chegou, já tentei dar o jantarzinho dela, mais ela não tava muito afim. Dei mamadeira então, e pronto dormiu feito uma pedrinha^^
Acordou com fominha, e minha sogra deu a sopa para ela. 
Depois ela ficou um tempão comigo e brinquei muito com ela, cantei, li a histórinha de um livrinho que é um travesseiro para ela, que adorou por sinal. E a cada músiquinha que eu cantava ela olhava fixamente pra mim, como se falasse: Peraê, essa eu não conheço e mudar a expressão, quando era uma músiquinha conhecida dela, como se falasse: Opa, essa eu já ouvi!!!
Uma fofura de garotinha!
Ô final de semana gostoso, montamos a árvore de Natal, e quando a Babi viu a árvore montada  ficou doidinha, fazendo... Hãn, hãn? E esticava os bracinhos em direção a árvore. Cheguei com ela pertinho da árvore e disse: Não é pra puxar, é só para ver... Até que deixei ela encostar nos perduricalhos, mais ela deu uma de mocinha delicada, e encostava nos enfeites com o maior cuidado. Linda^^ E quando o papai ligou os piscas? Nossa, aí sim que foi a coisa mais engraçada e intrigante foi a reação dela.
Primeiro ela ficou super animada, achando tudo muito lindo, até esticou as mãos querendo tocar as luzes, mais que de repente, ela fez biquinho e chorou baixinho, se encostando nos braços do papai... Acho que ela ficou emocionada, como disse minha mãe! Achei engraçado e fofo ao mesmo tempo. Não tinha o porque ela ficar com medo das luzes, que ela tanto gosta!


Bom, acho que foi isso...


beijinhos nas mamães e nos bebês!!!
E vamos as fotênhos!!!



Tomando suquinho de laranja no colo da tia Ariana
 

 Na casa do tio Phillip, vendo os "tititis" dele.

 Brincando e rindo com a minha irmã Beatriz.

Abraçando o ursinho de infância do tio Phillip.


 Olhando a árvore com a mamãe!

Agora com o papai...

Até meninas...
beijinhos ^^


Andador de "caranguejo" + queda nº 3 + Á BÁÁ

Olá, amigas blogueiras...


O nosso fim de semana e feriado, pode-se dizer que foi “bom”.  Não fizemos nada de diferente, a coisa diferente foi comprar o andador da pequena. Comprei o andador tradicional mesmo... Segui os conselhos das amigas mamães daqui.


No sábado de manhã ficamos com a Babi, brincamos bastante, ri demais com as carinhas que ela anda fazendo... Cada dia uma gracinha nova... Fico babando!!!
 Não fizemos faxina na casa, nem sábado, nem domingo, nem segunda, nem feriado... Affe, estou ferrada quando for pegar a casa nesse próximo sábado, nem quero pensar... Hehe!
Levamos a Babi pra casa da minha mãe, pra eu e o papai irmos fazer compras para ela.
A Babi estava ficando sem roupa de calor, estavam ficando pequenas e apertadas, já que a menininha é comprida e tem umas toras de coxas que nem as minhas... (affe) Literalmente ela tem corpo de “mocinha” mesmo!
Papai comprou as regatinhas e eu os shortinhos, prendedores de chupeta lindinhos, uma mamadeira grande da lillo linda, linda, super colorida e alegre. E claro os mais esperados ... Andador, lindinho, simples, em rosa de lilás. E um tênis lilás, de velcro, lindinho, simples também, mais para ela poder surrar-lo no andador, está ótimo.
Cortei os meus cabelos, mais não mudei muito o corte, nem mexi muito no comprimento, já que estou deixando crescer novamente. Cortei no salão de uma amiga do tempo de escola. Já tinha ido uma vez lá, quando ainda estava grávida de cinco meses pra ser mais exata, quando fui entregar o convite do meu chá de bebê. E minha amiga Andreza estava com um mês de gravidez também. Eu com a barriga bem aparecendo e ela com a barriguinha bem pequenininha. E só agora voltamos a nos encontrar... A Valentina está com quatro meses e a minha amiga está magrinha, quando a vi saindo de trás do balcão pra me cumprimentar, fiquei procurando: Ela não está gordinha, cadê? Hehe... Está linda!!! Foi uma pena a pequena Valentina não estar lá, já que a mãe dela estava fazendo uma progressiva em uma cliente, e não seria bom para a pequena Valentina ficar naquele ambiente. E mal cheguei com minha mãe e a Babi (pra elas conhecerem), a minha amiga recebeu a ligação do marido, dizendo que a Valentina não parava de chorar e ele não sabia fazer a pequena parar de chorar, e lá vai à mamãe Andreza fazer a bichinha se acalmar... Não foi dessa vez que podemos conversar um pouco e de eu conhecer a Valentina.
Logo, logo vou fazer minha progressiva, já que a Babi realmente não quer mais mamar, só pega o peito pra judiar da mamãe mesmo. Pra morder, puxar, beliscar, apertar e arranhar... Ou seja, virei brinquedo agora!
Por falar em desmame... Voltarei na consulta depois de dois meses, com minha nutricionista, e estou muito triste, porque estacionei no peso, emagreço 1, 2 kilos e volto para estaca zero de novo... Pelo menos não estou engordando e saindo do peso.
Dormi na minha mãe no sábado, na verdade dormimos, eu e a Babi...


A Babi caiu pela supostamente pela 2ª vez. Eu a colequei sentada no chão, onde minha mãe colocou vários travesseiros, almofadas e edredons. A pequena estava com sono, e como eu não tenho muita paciência de faze-la dormir, a coloquei de volta no chão, onde a mesma, ficou nervosa pelo fato de eu ter a colocado novamente no chão, se jogou pra trás num ato de protesto. Pronto, escutei aquele barulhão da cabeça dela batendo no chão. Eu me encontrava bem próxima dela, mais nem deu tempo para reagir e segura-la, foi muito rápido. E após o barulhão forte, olhei para ela e ela esperou um pouco e então começou a chorar muito forte, antes de mais nada eu a peguei nos braços e tentei acalma-la, e a pequena chorava demais, fiquei super assustada e de certa forma me sentindo culpada por ter causado aquele incidente. A menininha chorou tanto, tão assustada e a soluçar nos  meu braços... e estava branca, branca com a boquinha sem cor alguma... Minha mãe pegou correndo uma faca para passar na cabeça da pequena, (coisas dos antigos). E logo demos água pra ela, que tomou um pouco... E agora ela queria ficar deitada no meu peito, e como ela estava morrendo de sono, depois do susto, aí que ela queria dormir mesmo, mais não pude deixa-la dormir, tadinha, tive que ficar alguns minutinhos segurando o sono dela... 
E nesse mesmo dia mais tarde, minha mãe me confessou que a Babi havia caído uma vez com ela. E que ela não havia me contado antes, quis saber tudo, né? Minha mãe disse que ela caiu do sofá, enquanto ela foi buscar uma fralda no quarto, mais nessa época a pequena "ainda" não rolava, e decidiu fazer quando não tinha ninguém por perto. Minha mãe disse que ouviu um barulhão, e saiu correndo, e a menina estava no carinha virada pro chão no tapete que minha mãe ia tirar no mesmo dia, que amorteceu a queda, e ela estava chorando é claro. Minha mãe ficou super desesperada, já que a menina fazia pouquissimo tempo que estava sendo deixada com ela. E por esse motivo, eles (minha mãe e o maridóón) decidiram não me contar, já que eu tinha voltado da licença a pouco tempo. Mais não foi nada, graças a Deus, nem vermelhinho ficou... Ufa!!!
Uma outra vez ela tombou apenas de lado bem devagarinho, no quarto da minha vó. Eu deixei ela sentadinha no chão, e ela tombou de lado e caiu, mais no quarto da minha vó tem carpete e não aconteceu nada. Mais ela fez do mesmo jeito, esperou um pouco e logo começou a chorar, e eu a peguei, e minha mãe apareceu no quarto toda assustada dizendo o que foi? O que foi? E eu... Nada, ela caiu de lado... e minha mãe ficou super assustada!!! Mais a Babi nem chorou quase nada dessa vez!!!

No domingo voltei pra casa. Minha cunhada queridíssima veio nos buscar. E mais tarde o papai montou o andador, e eu coloquei o tênis na bonequinha e vamos estrear o andador, uhuuuu \o/
Bom, a princípio a Babi achou interessante, os brinquedinhos que vem nele, e a músiquinha que toca e os adesivos que eu havia colado errado por sinal, mais depois arrumei!!! Mais nada de andar, e ela ria muito, e ficava dando gritinhos, super fofos, e depois acho que enjoou e ficava esticando os bracinhos pra eu pega-la. E eu a incentivava dizendo: Vem filha, vem com a mamãe, aqui... E chamava com as mãos esticadas em sua direção. E o mais engraçado é que ela andava pra trás... Hehehehe!!! E eu falava: Filha é pra frente que se anda, caranguejinho!!! E eu a puxava pelas mãozinhas. Foi um momento histórico nas nossas vidas!
A pequena já sabe seu nome, já sabe que podemos variar na forma em chamá-la, como Babi, Ana Bárbara, entre outras variações. Sempre quis que ela soubesse cedo que ela não é apenas “Babi” é também “Ana Bárbara”, já que esse é realmente seu nome. Quando chamamos “Ana Bárbara” cantadinho, ela olha direto pra você, e começa a gritar: Á BÁ, BÁ, BÁ... Mais na maioria das vezes é só: “Á BÁ” E eu respondo: Á BÁ é você mesmo!!! E sem falar nos gritinhos que ela emite, e os bracinhos ficam batendo, é uma gracinha!!!
Na segunda feira só fiquei cuidando da Babi e deu pra descansar bastante, e nem fiz minhas unhas, pode? Affe, que preguiça condenada... Hehe! 


Ontem, a Babi ficou mais na casa da vovó dela do que em casa. Assim, pude curtir minha preguiça, assistir TV e ficar debaixo das cobertas no sofá. Nem na internet eu mexi...
A Babi vinha de vez em quando pra eu poder dar uma curtida e dar aqueles beijos barulhentos nela... Mais logo depois ela voltava pra casa da vovó, já que todas as tias e um dos tios foram lá, e queriam ver a princesinha.
Com certeza ela deve estar morrendo de saudade da minha mãe, já que ela anda muito apegada a ela. Fica toda semana na casa da minha mãe, só nos finais de semana que não, apesar de irmos todos os sábados pra casa dela, e também quando vamos fazer compras, ela fica lá. E a Babi só viu a minha mãe no domingo de manhã, quando voltei pra casa. Hoje a beijação, agarração, puxões de Cabelo, e olhos nos olhos, vão rolar adoidado por lá. Já que ela faz tudo isso quando está com saudade... Acho muito maravilhoso. Fofa da mamãe!!!


E é isso... Esse foi nosso fim de semana e feriado. Queria muito ter ido viajar, nem que fosse ali a São Roque onde meu pai tem um sitio. Queria muito ter feito algum passeio diferente, nem que fosse pra ir ao shopping, sei lá, mais não fizemos nada, ficamos em casa mesmo. Também com aquela chuva e o tempo estranho, sair de casa com criança pequena, nem dá, né?! Posso dizer que descansei e curti minha filha linda^^
Até mais meninas e até o próximo post...


Beijinho ^^ 

É, até que é legal, mamãe!!!
Nossa, legal esses adesivos... 
Filha, dá um sorriso!!!
Pronto, tá bom assim, mamãe?!

Beijinhos para todas^^




Triste desmame + Calor absurdo + Profissionais da saúde

Olá minhas queridas mamães...

Bom, hoje vim falar sobre o "triste" desmame da Ana Bárbara...=/
Na verdade faz um tempo que quero postar sobre esse assunto, mais como vocês já devem ter percebido, minha cabeça é doidinha e sempre esqueço das coisas que queria fazer, e compartilhar com todas vocês, perdoem esse meu jeitinho... ^^
Bom, é, a Babi faz um tempinho já que anda não querendo mais mamar, pra minha profunda tristeza! Eu não queria que ela parasse "tão logo" de mamar. 
Eu mamei até 1 ano e 1/2, isso porque minha mãe praticamente me obrigou a largar, esfregando pó de café nos seios. E a bobinha, tentava limpar com a mãozinha e tentava mamar mesmo assim, judiação!!! E por isso sempre pensei... Eu quero amamentar até quando meu bebê quiser, não vou desmamar nunca! Achando (torcendo) que meu bebê mamaria por muuuuuito tempo... triste engano! 
Lembram que depois que eu voltei da licença maternidade, eu só dava mama pra Babi as 05h00, quando ia trabalhar, e depois só quando eu voltava lá pelas 17h30 e até o resto da noite, quando ela pedia. Depois com o tempo passando, ela começou a não pedir quando eu chegava em casa, eu até oferecia, mais ela fazia gracinha com o bico do peito, até dava uns dois chupinhos, e acredito que antes mesmo do leite chegar a boca dela, ela largava. Mais a mamãe aqui não desiste fácil e sempre tentava de novo, mais ela não queria mesmo, até pegava as vezes de novo (só pra me agradar), mais mamar de verdade que é bom, NADA!!! Voltando ao passado... eu sempre achei lindo mulher amamentando crianças já grandinhas. Sempre tive isso na casa da minha família, tenho uma tia que amamentou MUITO mesmo, literalmente... e até hoje o seu caçula de 11 anos, as vezes dá uns chupinhos, hehe!!!
Mais infelizmente não foi isso que aconteceu comigo... =/ E lamento muito mesmo por isso... Tem pessoas que me perguntam... Ela ainda mama? E eu respondo triste... Não! E as pessoas falam... Que bom, né? Peraê, bom pra quem? Bom pra mim, pra Babi?
Bom nada... aí fico com minha cabeça doidinha!!! ¬¬
Já que eu queria fazer uma par de coisas que amamentando não podia, como tomar alguns remédios e fazer certos tratamentos estéticos. Mais mesmo assim fico triste em pensar que minha princesinha já está ficando "mocinha" e não mama mais na mamãe!!! E isso  me deixa com aquele friozinho no estômago de pensar que ela vai e está crescendo, ficando independente a sua maneira e tempo. 
Mais confesso meninas, que sempre que posso eu tento oferecer, e ela agora acha graça e ri quando tiro o peitcho pra fora, ela brinca com o bico, morde, belisca, puxa, aperta, e olha pra mim e ri novamente... tipo tirando sarro da minha cara... Ai, mamãe, pára de ser boba, eu já passei dessa fase!!! Ok... (mais não desisto).
Até que um dia dessa semana, ela até que pegou um pouco, mais nem posso dizer que ela "mamou"... mais já fiquei mais felizinha, na verdade só estou me enganando... tonta!
Ela passa dias e dias sem mamar e sem mesmo lembrar que eu era "moça do leite", a "dona das divinas tetas", e que eu ainda tenho leite que é DELA. 


                                                       
Agora Babi não quer mais saber tanto de colo, agora quer mais é ficar no chão, com você segurando sua mãozinha para ela sentar e levantar, sentar e levantar, sentar e levantar, não cansa nunca... Aí, você que cansa e tenta pega-la no colo, porque suas costas com escoliose não aguentam. Aí ela chora e se joga pra trás... aiaiai!!! Vou comprar o abençoado andador pra ela, pra ver ser ela fica mais a vont´s (a vontade) e anda pra onde ela quiser e derrubar o que quiser.
E ontem ela fez uma coisa muito fofa. Coloquei ela sentadinha no chão e eu fiquei no sofá, segurando o bracinho dela (mesmo ela já ficando firme sentadinha sozinha, vai saber...). E a Charlotte e a Chérie estavam dormindo perto dela no chão. E eu comecei a chamar a Charlotte de um jeitinho bem cantadinho. E eu repeti por várias vezes.. Charlooooootteeeee...  e a Babi ficava doidinha, batia as mãozinhas no chão e emitia vários sons, acredito que todos do seu repertório, junto com um Bruuuuuuu que até cuspia. E toda vez que eu repetia, ela fazia tudo que ela sabia e falava tudo que ela fala, junto com um bábábábá... kkkkkk... eu e o maridóón achamos muito engraçado e fofo. Só não filmo essas coisas, porque ao contrário da Clarice da Carol que adora rir pra câmera, a Babi pára de fazer tudo pra olhar pra câmera e tentar pega-la, então tenho que filmar só se for com câmera escondida lá em casa... 

Ontem o calor tava maltratando a gente, a Babi estava suando, só de camisetinha e fralda, o cabelinho ficava molhadinho... e ela estava irritadinha. Então, Vamos tomar banho ôôô-ôô... (minha versão da música Vamos a la playa), sempre canto pra ela, e ela já sabe e começa a rir... linda da mamãe!!! ^^ 
Era 19h30, já que não fui pra academia, vamos curtir a Babi?
Tomou um banhinho frio, e ficou toda doida na água fria... rs!
Depois mamou a mamadeira batizada e não demorou muito, dormiu... Acordou as 00hs30, chorando, resmungando, incômodada... maridóón foi pega-la, e eu levantei quase que de olhos fechados fazer a mamadeira. E logo dormiu novamente.



                                            
Os dentinhos estão dando uma trela com a camomilina c, e mamãe e papai agradecem!!! \o/ O mordedor só comprarei no fim de semana... junto com o andador tão esperado ¬¬, que espero que nesse fim de semana dê certo para compra-lo. E vou comprar aqueles andadores tradicionais mesmo, nada daqueles que a criança fica em pé, sem apoio, sem proteção. Porque senão terei de comprar capacete, joelheira e cotoveleira...
Agora Babi pega qualquer tipo de chupeta, de RN, para maiores de 6 meses e para 1 ano... ela tinha duas lá fechadas na embalagem ainda... e agora ela pega qualquer uma... Oba... adoro mudar chupeta!!!

 Olha essa carinha... de; Chega mamãe!!!

 Vai, filha, escolhe...

 Hummm, tô na dúvida... ^^

Depois do banho frio... 

                                   
Meninas, o que anda acontecendo com os profissionais da saúde? A alguns dias teve aquele incidente com o recém-nascido que foi aplicado colírio errado nos olhos do bebê que já passou por 4 cirúrgias e ainda corre o risco de ficar cega. Caso você não tenha visto veja aqui...
E agora acontece essa nova com o bebê prematuro com 12 dias de vida... injetaram leite na veia do pobre bebê... como assim? Você pode ler a matéria completa aqui.
Pelo amor de Deus, o que anda acontecendo? Não podemos confiar em mais ninguém, nem nos tão estudados profissionais da saúde... Que Deus tenha misericórdia de nós!!!
E quantos fatos como esse estão se tornando cada vez mais comum nos dias de hoje, e nada é feito!!! 
Por esses motivos que nós mamães temos que ficar espertas. Quando nossos bebês ficarem doentinhos e temos que leva-los ao hospital, ou algo do tipo, temos que ficar em cima, e perguntar tudo o que eles estão fazendo; Pra quê isso? O que é isso que você está aplicando? Pra que serve? Tudo, tudo, tudo, quantas vezes for necessário, mesmo que seja pra mesma pessoa... Porque isso anda acontecendo com enfermeiras melhores dos hospitais. Erros acontecem mesmo, todo mundo sabe que errar é humano, mais brincar com vidas, se distrair, aplicar medicação errada como a vaselina confundida com soro, cortar a pontinha do dedinho de bebê, porque não viu que o mesmo estava dobrado, falta de atenção, cansaço, não justifica a falta de profissionalismo. 

 JESUS, CUIDE DE NOSSAS CRIANÇAS!!!

Cara nova do blog + Querida Camomilina C

Olá meninas \o/

Resolvi dar uma cara nova ao blog, como quem me conhece sabe que enjoo fácil das coisas, mais estava com preguiça de fazer tudo denovo, já que aquele antigo me deu trabalhinho pra fazer! Acho que agora ficou bom, mais ainda não ficou a cara que queria, mais enfim, quando enjoar dessa, eu mudo novamente...hehe!!! E assim vai...
 

 Agora vamos falar dos dentinhos chatinhos da Babi...
Eles estão judiando da minha pequena, da uma dó... Ela fica irritadinha, choramingando, enfiando a mãozinha na boca, e coça, coça, coça, até no meu queixo, e baba escorre não só nela como em mim também. E o bicho pega mesmo é anoite, o sono bate, mais os dentinhos não deixam ela dormir. Ela vai deitando no nosso colo, e os olhinhos vão até fechando, mais acho que vem a irritação denovo por causa dos safadênhos, e ela se joga pra trás e não quer mais ficar deitada... e aí começa tudo de novo, e quando dorme, acorda a noite inteira... judiação!!!Não há mamãe que acorda as 04h30 que aguente!!!
Compramos camomilina C pra ver se ajudava e aliviava o incômodo. E na 1ª noite de uso, deu super certo, a bichinha dormiu a noite todinha!!! Uhuuuu \o/, quem não dormiu nada foi o maridóón preocupado se o medicamento iria dar alergia na Babi... affe!!!
Noite passada ela não quis jantar de jeito nenhum, comeu apenas 5 colheradas "forçadas". E chora, que chora, que chora, já que não quer jantar, tomele mamadeira mesmo, e assim ela pega no sono também... Ela não dormiu, pra meu desespero, isso era umas 19H00, já como vi que a menina não ia dormir mesmo, terminei de me arrumar pra voltar pra academia. Deixei ela acordadinha e sai escondido dela... já que agora com esses dentinhos o grude aumentou mais. E quando voltei da academia, ela estava dormindo, então fui tomar banho e tomar um leitinho. Ela deu uma choramingadinha lá pelas 21h50, fui até seu quarto, peguei o pacotinho gordo, e ninei denovo, e logo fechou os olhinhos e ficou enfiando a mão na minha boca e quase arrancando meus lábios..., bicha bruta. Dormiu a noite inteirinha da silva, e nem precisou da camomilina, já que ela não tomou a última mamadeira da noite, e é essa que batizamos com camomilina... Não vejo a hora de ver aquele pontinho branco aparecer... ounnn!!! 


Quando eles costumam aparecer 
6 meses incisivos centrais inferiores
7 meses incisivos laterais inferiores
7 meses e meio incisivos centrais superiores
9 meses incisivos laterais superiores
12 meses primeiros molares inferiores
1 ano e 2 meses primeiros molares superiores
1 ano e 4 meses caninos inferiores
1 ano e meio caninos superiores
1 ano e 8 meses segundos molares inferiores
2 anos segundos molares superiores 

A Babi anda colocando a chupeta na nossa boca, mais coloca toda torta e acaba até batendo com a chupeta na sua cara, bichinha brutality 2, até que ela consegue colocar na sua boca, aí coloca na dela novamente...
Como algumas meninas me disseram, pra compra aquele mordedor com água, que coloca na geladeira e ajuda no desconforto da gengiva. Pois é, vou comprar nesse fim de semana, não tenho tempo de ir durante a semana, é muito corrido, ainda mais agora que voltei pra ginástica... =/



Momento; fazendo gracinhas pra mamãe!!!




Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Licença Creative Commons
O trabalho Mundo cor de rosa de Babi de "Mundo cor de rosa de Babi" foi licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição - NãoComercial - SemDerivados 3.0 Brasil.